Quais são os indicados a ‘Melhor Filme’ no Oscar?

É amanhã! O Oscar vem aí e preparamos várias listas para você ficar por dentro de quem concorre às famosas estatuetas douradas: ‘Melhor Ator e Atriz Coadjuvantes’, ‘Melhor Ator e Atriz‘, ‘Melhor Animação‘ e ‘Melhor Diretor‘.

Por último, mas não menos importante, vamos ver quais são as 8 produções indicadas a ‘Melhor Filme’. Para quem vai sua torcida?

“Brooklyn”:

brooklyn-cena

“Brooklyn”, do diretor John Crowley, narra a ida da jovem Eilis (Saoirse Ronan – indicada a ‘Melhor Atriz‘) aos Estados Unidos, na esperança de construir uma vida melhor, diferente daquela na Irlanda, sua terra natal. A saudade da família torna-se seu maior desafio, mas assim que conhece Tony (Emory Cohen), seu coração encontra um novo lar. Contudo, a estabilidade adquirida é sacudida com tristes notícias vindas de seu país de origem e Eilis precisa decidir qual é sua verdadeira casa.

É um dos mais bonitos e delicados entre os concorrentes a ‘Melhor Filme’. Mas será que leva o prêmio máximo da noite?

“A Grande Aposta”:

a-grande-aposta-cena

O diretor Adam McKay emplacou 5 indicações ao Oscar com “A Grande Aposta”, incluindo ‘Melhor Filme’. Na metade dos anos 2000, alguns homens previram a crise do mercado imobiliário dos Estados Unidos, que acabou gerando a grande crise financeira de 2008, e tentaram lucrar em cima da ganância dos bancos.

A produção é uma adaptação do livro de Michael Lewis e talvez confunda pessoas pouco familiarizadas com os vários termos financeiros apresentados. Ainda assim, a Academia é simpática a filmes sobre Wall Street e “A Grande Aposta” pode sair vitoriosa no domingo.

“Spotlight: Segredos Revelados”:

rachel-mcadams-mark-ruffalo-brian-dg-arcy-michael-keaton-and-john-slattery-in-spotlight-cred-kerry-hayes-open-road-films

“Spotlight: Segredos Revelados” conta a história real da equipe de jornalistas do jornal “The Boston Globe”, que apurou casos de pedofilia envolvendo padres da Igreja Católica local ao longo de décadas. Quanto mais fundo eles entram na investigação, mais padres e vítimas surgem, o que levou a uma série de reportagens em 2002, gerando um grande escândalo para a Igreja.

Tom McCarthy, diretor de “Spotlight”, está indicado junto a sua obra, que resgata a fé no bom jornalismo. O elenco do filme foi premiado no SAG Awards deste ano, o que pode garantir algum favoritismo do longa na briga pelo Oscar de ‘Melhor Filme’.

“O Regresso”:

o-regresso-cena

A torcida é grande para que Leonardo DiCaprio saia vitorioso do Oscar amanhã, assim como são grandes as expectativas para que o filme do diretor mexicano Alejandro González Iñárritu leve o prêmio por “O Regresso”. O cineasta já foi premiado no ano passado e também possui algum favoritismo em 2016. Será que vem uma dobradinha por aí?

No filme, acompanhamos a luta pela sobrevivência e vingança de Hugh Glass, um caçador abandonado à própria sorte nas montanhas geladas da Dacota do Sul, após o ataque de um urso. Seu parceiro de expedição, John Fitzgerald (Tom Hardy) o deixa para trás após matar seu filho, e Glass não descansará até encontrá-lo.

“O Quarto de Jack”:

o-quarto-de-jack-cena

“O Quarto de Jack” é um dos mais sensíveis indicados ao Oscar deste ano, narrando desde a fuga de mãe e filho de um cativeiro, onde viveram por anos, até a adaptação fora do “pequeno mundo” em que habitavam. O horror do confinamento só não é mais chocante pois o filme se passa a partir da perspectiva do menino, que acredita não existir nada além daquelas quatro paredes.

O longa do diretor Lenny Abrahamson concorre a quatro categorias, mas é Brie Larson a mais cotada para levar a estatueta dourada. Surpresas podem acontecer e só conheceremos o ‘Melhor Filme’ amanhã.

“Ponte dos Espiões”:

ST. JAMES PLACE

O filme do diretor Steven Spielberg se passa na década de 50, em meio à Guerra Fria, envolvendo os Estados Unidos e União Soviética. Enquanto o governo americano captura um espião soviético em suas terras, cabe ao advogado James B. Donovan (Tom Hanks) defendê-lo e usá-lo como moeda troca por dois americanos presos pelo país inimigo.

“Ponte dos Espiões”, embora um filme bonito, não tem grandes chances de levar o prêmio da noite, mas a indicação já vale o reconhecimento do já consagrado Spielberg.

“Perdido em Marte”:

perdido-em-marte-cena

O filme de tirar o fôlego do cineasta Ridley Scott é um dos indicados deste ano a ‘Melhor Filme’. Na produção, acompanhamos de perto a luta por sobrevivência do astronauta Mark Watney em Marte, após não ter conseguido embarcar de volta ao nosso planeta. Dado como morto pela NASA, ele usa sua inteligência e criatividade para poder manter-se vivo no hostil planeta vermelho.

“Perdido em Marte” recebeu algumas críticas por “apagar” minorias étnicas, mas garantiu sua indicação ao Oscar. Com as várias críticas pela falta de diversidade na premiação, é possível que o filme saia de mãos abanando amanhã.

“Mad Max: Estrada da Fúria”:

mad-max-cena

“Mad Max: Estrada da Fúria”, de George Miller, foi muito elogiado à época de seu lançamento no ano passado, sendo considerado “feminista” por muitos ao retratar a fuga de um grupo de mulheres de um ditador.

O filme é eletrizante e honra o cinema de ação. Não é um dos favoritos, mas não seria uma grande surpresa, para mim, caso leve o prêmio durante a cerimônia do Oscar.

 

Para quem vai sua torcida? O Oscar acontece no dia 28 de fevereiro e o Prosa Livre vai fazer a cobertura da premiação pelo Twitter (@ProsaLivre). Não perca!

Leave a Reply

Your email address will not be published.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.