Nós finalmente veremos uma super-heroína gorda salvando o mundo

Estamos finalmente vendo as mulheres ganharem mais espaços no mundo dos super-heróis. Nos quadrinhos, televisão e cinema, elas estão cada vez mais numerosas e quebrando estereótipos. E a mais nova super-heroína a quebrar padrões é Faith Herbert, que terá sua própria HQ pela Valiant Comics. Ela é uma repórter durante o dia e combate o crime durante a noite com o nome Zephyr. Ah, e ela é gorda.

Mas Faith não é exatamente uma personagem nova. Ela foi introduzida em 1992 e viveu suas aventuras por três anos, até que a Valiant foi à falência. Ela voltou em 2012, como parte de um grupo de heróis da empresa, os “Harbinger”, e ganhou uma série especial de cinco quadrinhos neste ano, os quais fizeram um enorme sucesso com o público, o que possibilitou a criação de sua própria HQ, que será vendida a partir de julho.

“Muitas pessoas vieram até mim nas convenções e me disseram o que a HQ significa para elas”, contou a roteirista Jody Houser ao New York Times. Ela acredita que o motivo para o sucesso foi a identificação das mulheres com a personagem, que é “uma geek como elas e que não é tratada como uma piada.” Warren Simons, editor-chefe da Valiant, afirmou que o feedback do público foi muito positivo, tanto nas bancas quanto nas redes sociais, e que a jornada de Faith se estenderá por todo o ano de 2016 e além.

O universo dos super-heróis, embora bastante diverso, ainda é dominado por personagens magros ou musculosos, o que não corresponde bem com a realidade do mundo em que vivemos. É por isso que o programa de combate aos transtornos alimentares, o Bulimia.com, aplicou photoshop nas capas de conhecidas histórias em quadrinhos, dando um corpo mais próximo do real à Mulher Maravilha, Tempestade, do Batman e outros personagens. Segundo um estudo da USP, a mídia pode influenciar na satisfação de cada um com o próprio corpo. Portanto, a vinda de Faith é um respiro de alívio em um meio ainda muito excludente para quem não segue rígidos padrões estéticos.

“Faith representa um raio de esperança e otimismo que ressoam muito além das páginas impressas”, disse Warren Simons, editor-chefe da Valiant. “Ela é uma verdadeira heroína em cada aspecto da palavra e, em seu interior, ela representa o melhor que super-heróis e quadrinhos, como um todo, têm a oferecer ao mundo.”

A personagem também é fã de cultura nerd e trabalha como repórter em um site. Durante a noite, quando se torna Zephyr, ela combate o crime e ameaças alienígenas. Embora tenha, como muitos heróis, uma vida dupla, Jody Houser, a roteirista da história, acredita que ela não é como os outros heróis.

“Ela pode ter sido inspirada por ideias antigas, mas ela está muito distante disso”, disse Houser ao Comic Book Resources. “Ela é uma mulher gorda que ama ficção científica, fantasia, gosta de sexo e está 100% confortável com isso. Ela tem uma ideia muito clara de como um herói deve ser, e se afasta das pessoas cujas ações vão contra isso. Você pode dizer que Faith sabe muito bem quem é; a história de verdade é ver o quanto ela consegue realizar e crescer.”

A roteirista dará continuidade aos quadrinhos da super-heroína, e terá ao seu lado Pere Pérez e Marguerite Sauvage, responsáveis pelas artes. E isso não é tudo: a personagem também vai para os cinemas. Segundo o New York Times, a Sony Pictures levará para as telonas os personagens da Valiant, entre eles, Faith, que já está alçando voos maiores. Mal podemos esperar!

 

Comments

  1. jose matos Responder

    Para derrotar os inimigos ela vai se jogar em cima deles?

Leave a Reply

Your email address will not be published.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Search Anything
Close