Caminhe rumo ao infinito na exposição de Yayoi Kusama, em São Paulo

  25. junho 2014   Internet   0
Caminhe rumo ao infinito na exposição de Yayoi Kusama, em São Paulo

Acontece no Instituto Tomie Ohtake, em Pinheiros – São Paulo, a exposição “Obsessão Infinita”, da artista japonesa Yayoi Kusama. A mostra é gratuita (viva!) e estará na cidade até o dia 27 de julho. A exposição, que tem curadoria de Philip Larratt-Smith e Frances Morris, conta com pinturas, esculturas, vídeos, fotografias da artista, diversos trabalhos com papel, e o mais legal: instalações onde você realmente entra em contato com a  “obsessão infinita” de Yayoi Kusama.

A senhora Kusama, de 85 anos, é considerada uma das mais inventivas do pós-guerra. Algo muito interessante a ser notado em suas obras é sua fixação por pontos e bolas. Elas estão presentes em quase toda a exposição. E é tudo tão bonito! Dá vontade de ficar horas em cada espaço.

A artista japonesa Yayoi Kusama

Os quadros são surreais. Todos cheios de pontos e bolas, dão uma sensação de amplitude. Você fica olhando, olhando, olhando… É uma viagem com os olhos. Fui com uma amiga, a Aline (@acnha, no Instagram). Ficamos os dois admirados durante toda a exposição.

Aline e os quadros.

O primeiro grande espaço “sensorial”, no primeiro andar, é todo escuro, aceso por luzes negras e adesivos colados em todas as partes. Já na entrada dele, você tem uma pequena vertigem, porque parece que você anda, anda, mas tem a sensação de não chegar a lugar algum. É Incrível! foto6 O segundo espaço é bem interessante também. É rodeado por quadros de Yayoi Kusama, mas o mais divertido é uma sala onde só se pode ficar por 20 segundos. Ela é fechada e, mais uma vez, você se vê no meio de um infinito de pontos. Como a sala é toda de espelhos, a sensação é mesmo de que não tem fim. O terceiro espaço, é o mais bonito e iluminado (e o preferido pelos visitantes para fazer fotos), também é todo feito de espelhos, com várias lâmpadas descendo do teto. É um festival de cores, de luzes, de infinito, de beleza… Eu e a Aline gastamos um bom tempo ali.

8
“a sky full of stars”

Descendo as escadarias, você chega no terceiro espaço, tomado por bolas rosas gigantes, cheia de pontos pretos. Há também um vídeo com a artista Yayoi Kusama. No último espaço você é o artista. Uma cartela cheia de adesivos em formato de círculos (obviamente) é entregue. É entrar na sala e colá-los onde você quiser. A experiência é super bacana. Tem adesivo no chão, nas paredes, no teto, no sofá, em todos os lugares. A exposição é linda e uma viagem ao infinito, à amplitude e à profundidade da artista e das obras. Linda, linda, linda! Vale cada segundo! Mas corra! É só até dia 27/07!

Serviço: Exposição “Obsessão Infinita”, de Yayoi Kusama
Onde: Instituto Tomie Ohtake
Endereço: Avenida Faria Lima, nº201 – Pinheiros (dá para pegar o metrô, mas tem que andar um pouquinho. 15 a 20 minutos de distância da estação) Aberto de terça a domingo, das 11h às 20h
Entrada gratuita!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *