É possível que exista uma Barbie como você agora

  28. janeiro 2016   Estilo   0
É possível que exista uma Barbie como você agora

Estamos animados com as mudanças que a Barbie vem passando nos últimos tempos. No ano passado, em especial, a boneca mais famosa do mundo fez um comercial incentivando as meninas a realizarem seus sonhos, transformou Zendaya e Ava DuVernay em exemplares de coleção, e ainda incluiu um menino em um de seus anúncios.

Por 57 anos, o brinquedo foi símbolo de padrões de beleza irreais, tendo alguns estudos comprovado que brincar com a boneca leva meninas a ficarem insatisfeitas com seus corpos, enquanto outro estudo diz que a Barbie limita as aspirações profissionais das garotas. Com uma baixa nas vendas em 2014, era preciso mesmo uma reinvenção.

Felizmente, em 2015 algumas mudanças foram feitas, e essa tendência continua em 2016. Hoje, o perfil da Barbie nas redes sociais anunciou bonecas com corpos curvilíneos, de diferentes tamanhos, tons de pele e cabelos diversificados. E todas levam o nome da Barbie:

Segundo reportagem da revista TIME, a Mattel espera que as novas bonecas possam refletir as jovens consumidoras no mundo todo. “Nossa marca representa o empoderamento feminino”, afirmou o presidente da Mattel, Richard Dickson.

“É importante que as Barbies sejam diferentes, como as pessoas no mundo real”, diz uma menina em um vídeo promocional. “Isso é importante porque não existe um padrão de como é um corpo bonito”, conta Robert Best, Diretor de Design da Barbie. “Nosso futuro será assim porque o mundo é assim.”

Confiram um vídeo dos bastidores do que inspirou a equipe que tornou isso possível! #TheDollEvolves

Publicado por Barbie em Quinta, 28 de janeiro de 2016

Com certeza, a diversidade da boneca é algo que reflete o mundo em que vivemos, o que torna possível haver uma Barbie que pareça com você por aí.

Nas redes sociais, as pessoas elogiaram as mudanças. “Parabéns pela mudança, vai ser lindo ver as crianças reconhecendo seus biotipos em uma boneca. O mundo não tá chato, ele está evoluindo e abraçando a todos”, comentou uma garota. “Que sorte das crianças de hoje que vão crescer num mundo menos estereotipado, com mais inclusão e representatividade. Parabéns pela iniciativa! Barbie negra, Barbie gorda, Barbie ruiva, Barbie oriental…”, escreveu um rapaz.

É um grande e importante para a Barbie. Diversidade importa, sim! E estamos felizes em poder acompanhar isso de perto.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *