Votei em Dilma e vou cobrar

27. outubro 2014 Internet 1
Votei em Dilma e vou cobrar

O Brasil foi às urnas ontem, 26, para eleger o presidente da República. Dilma Rousseff (PT), de acordo com as pesquisas, levava uma pequena vantagem sobre seu adversário Aécio Neves (PSDB). No entanto, o que se viu após as eleições, foi um resultado apertado. A candidata do Partido dos Trabalhadores ganhou com pouco mais de 3% de vantagem sobre Aécio.

 

Votei em Dilma no segundo turno. No primeiro, votei em Luciana Genro (PSOL), pois ela representava todos os meus ideais: candidata de esquerda, firme, com propostas consistentes de mudar a forma como a política é feita no país e, mais importante, Luciana tinha uma preocupação real com os direitos humanos. Como não passou para o segundo “round” da corrida presidencial, pensei seriamente em anular meu voto. Não me via representado nem em Dilma, muito menos em Aécio.

No entanto, decidi que iria votar, sim. Como sigo e converso com bastante pessoas de esquerda, aos poucos foram mudando a minha cabeça. Mesmo Dilma Rousseff e o PT não representando a esquerda em sua totalidade, o partido foi jogado para lá nesse segundo turno, já que Aécio possuía uma postura conservadora e tinha o apoio da ala conservadora do país. Enquanto classe média, eu poderia ter votado nele, mas a proposta de redução da maioridade penal e a iminência de isso acontecer, caso fosse eleito, dado nosso Congresso conservador, pesaram muito. Não só isso, o apoio de figuras como Marco Feliciano, Bolsonaro, Coronel Telhada e outros homofóbicos, e a acusação de agressão à sua esposa foram fundamentais para que eu não votasse nele. Fora que ele era candidato do PSDB. Não voto nunca mais nesse partido.

 

Enfim, levei em conta as transformações sociais que aconteceram durante todos os anos de governo do PT. O projeto do partido é o que mais se assemelha com aquilo que acredito ser mais importante: justiça social. O partido tem problemas? Muitos. Mas vou cobrar agora as promessas feitas durante a campanha. Espero que Dilma olhe e dê atenção a todos nós que fizemos sua reeleição realidade. A cobrança começa agora. E a mudança que queremos, também.


1 thought on “Votei em Dilma e vou cobrar”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *