Skol lança latinha comemorativa com as cores da bandeira LGBT

Skol lança latinha comemorativa com as cores da bandeira LGBT

No ano passado, a Skol fez um bonito comercial para o Dia do Orgulho LGBT, comemorado no dia 28 de junho, e que marcou uma mudança de posicionamento da marca: saem as mulheres seminuas e conteúdo apelativo, entram campanhas que visam mudar a forma de se enxergar a mulher e que valorizam a diversidade, seja ela de gênero, orientação sexual, raça ou idade

Em 2017, a marca de cerveja continua disposta a “sair do quadrado” e, pelo segundo ano consecutivo, vai patrocinar a Parada LGBT de São Paulo, uma das maiores do mundo, que vai acontecer no dia 18 de junho. Para celebrar a data, a Skol vai lançar uma latinha especial: a sua famosa logo virá nas cores do arco-íris, que são as mesmas da bandeira do Orgulho LGBT, criada em 1978 por Gilbert Baker, o qual morreu neste ano, infelizmente.

A latinha comemorativa será vendida no dia do evento, nos arredores da Avenida Paulista. E a melhor parte é que parte do dinheiro arrecadado será revertido para a Casa 1, centro de acolhimento para lésbicas, gays, bissexuais, travestis transexuais que foram expulsos de casa. O projeto é de Iran Giusti, que lançou uma campanha de financiamento coletivo no ano passado para tornar a iniciativa realidade.

“Temos aprendido muito nessa jornada em prol do Respeito, e são os parceiros que encontramos neste caminho que têm nos feito evoluir. Durante o último ano, tivemos a oportunidade de conhecer diversas pessoas e iniciativas que contribuíram para este crescimento. E uma delas foi Iran Giusti e seu trabalho na Casa 1”, disse Maria Fernanda Albuquerque, diretora de marketing da Skol. “A Parada LGBT e a Casa 1 levantam antes de tudo a bandeira do respeito, e é essa a bandeira de Skol. E essa foi a melhor forma que encontramos para dividir com todos a nossa caminhada de respeito, de construção de novos valores e de experiências livre de preconceitos”, comentou Maria Fernanda de Albuquerque, diretora de marketing da marca.

É ótimo ver grandes marcas abraçando a diversidade e apoiando projetos sociais que têm um impacto grande na vida de muitas pessoas, como é o caso da Casa 1, que acolhe pessoas que perderam tudo apenas por serem quem são. Recentemente, a Ben & Jerry’s anunciou que não vai mais vender bolas de sorvete do mesmo sabor na Austrália até que o país aprove o casamento igualitário. No ano passado, também fizemos um guia de marcas que apoiam os direitos LGBT. Confira aqui.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *