O vídeo de “Wannabe”, das Spice Girls, foi refeito para campanha pelos direitos das mulheres

O vídeo de “Wannabe”, das Spice Girls, foi refeito para campanha pelos direitos das mulheres

Quem cresceu na década de 90 deve ter ouvido Spice Girls em algum momento da vida. Com o hit “Wannabe”, lançado em 1996, a girl band composta por Geri Halliwell, Emma Bunton, Melanie Brown, Victoria Beckham e Melanie Chisholm, se tornou símbolo do girl power na época, transmitindo uma mensagem de empoderamento feminino a garotas em todo o planeta.

Vinte anos depois, “Wannabe” volta a tocar, mas desta vez em uma campanha das Metas Globais de Desenvolvimento Sustentável da ONU, que incluem em alguns itens a igualdade de gênero e a erradicação da pobreza.

O icônico vídeo agora traz diversas meninas, mulheres e artistas femininas da Índia, Nigéria, África do Sul, Reino Unido, Estados Unidos e Canadá, todas reunidas chamando atenção para metas globais das Nações Unidas que precisam ser alcançadas, entre elas: o fim da violência contra meninas e mulheres, educação de qualidade para todas as garotas, fim do casamento infantil e igualdade salarial. O clipe ainda lança a hashtag #WhatIReallyReallyWant (“O que eu quero de verdade”, em referência à letra da música).

Victoria Beckham, uma das integrantes do grupo, divulgou o vídeo em seu Facebook. Ao jornal The Guardian ela disse que “é uma ideia maravilhosa”. “Depois de 20 anos, o quão fabuloso é ver que o legado das Spice Girls está sendo utilizado para encorajar e empoderar toda uma nova geração?”

“É sobre o girl power moderno”, afirma MJ Delaney, diretora do vídeo. “As Spice Girls eram um grupo de diferentes mulheres que se uniam e ficavam mais fortes por conta disso. São essas diferenças o que queremos celebrar nesse filme, enquanto mostramos que existem coisas universais que todas as meninas, no mundo todo, querem de verdade.” O vídeo deve ser exibido em salas de cinema do mundo todo.

Participam do vídeo as seguintes artistas: Jacqueline Fernandez, Seyi Shay, Gigi Lamayne, Moneoa, M.O., Taylor Hatala e Larsen Thompson.

E você, o que realmente quer? A campanha incentiva meninas e mulheres a tirarem fotos com a resposta junto com a hashtag #WhatIReallyReallyWant. Participe e faça parte desse movimento global de girl power!