Agora a Netflix foi longe demais: a primeira série animada brasileira é protagonizada pelas “Super Drags”

Agora a Netflix foi longe demais: a primeira série animada brasileira é protagonizada pelas “Super Drags”

Agora a Netflix foi longe demais! Hoje (31), a plataforma de séries e filmes anunciou uma nova atração brasileira, a “Super Drags”. Isso mesmo: uma série protagonizada por drag queens e em formato de desenho! Onde esse país vai parar?

Mas brincadeiras à parte, o seriado é uma produção 100% verde e amarela, e será assistida no mundo todo, graças ao alcance global da Netflix. “Super Drags” é a primeira série animada do Brasil, criada por Anderson Mahanski, Fernando Mendonça e Paulo Lescaut, do Combo Estúdio.

A série é protagonizada por Patrick, Donny e Ramon, que “de dia trabalham numa loja de departamento e têm que aguentar o chefe escroto. De noite, eles aquendam a neca e se transformam nas Super Drags, prontas para salvar o mundo da maldade e da caretice, enfrentando um vilão desaplaudido a cada episódio”.

A gente não poderia ter melhores super-heroínas, né?

“Estamos entusiasmados que a nossa primeira animação brasileira vai apresentar aos nossos espectadores o mundo ousado, escandaloso e fabuloso de ‘Super Drags’! A Netflix tem a sorte de investir em grandes talentos de animação do Brasil, trazendo a traço vibrante da Combo e o humor ácido de nossos produtores para as belas e as telas de todos os cantos” disse Chris Sanagustin, diretora de Conteúdo Original Internacional da Netflix, em um comunicado. 

O anúncio de que a animação entrará no catálogo da plataforma não poderia vir em melhor hora: em junho começa o mês do Orgulho LGBTQ, período em que celebramos nossas existências em meio a um mundo ainda muito violento contra a gente. 

“Super Drags” não tem data de estreia, mas será que é pedir muito um encontro dessas heroínas com a Pabllo Vittar?