MAC e Caitlyn Jenner arrecadam mais de um milhão de dólares para organizações voltadas a pessoas trans

07. novembro 2016 Famosos 0
MAC e Caitlyn Jenner arrecadam mais de um milhão de dólares para organizações voltadas a pessoas trans

Caitlyn Jenner pode estar fora do holofotes, mas isso não quer dizer que ela não está agindo e fazendo as coisas acontecerem.

Em fevereiro, a estrela de “I Am Cait” fez uma parceria com a marca de maquiagem MAC para um batom exclusivo para a marca. Batizado de “Finally Free” (ou “Finalmente Livre”, em português), o item vinha na cor rosa, escolhida por Caitlyn, e todos os lucros seriam revertidos para um fundo de apoio a organizações trans, chamado MAC AIDS Fund’s Transgender Initiative.

“Eu queria um nome que eu uso, e que representa a comunidade. Essa sou eu: finalmente livre”, explicou. “Esse nude rosado é a cor que eu escolhi. Para ser sincera, eu quero que as pessoas usem ele todos os dias para que elas tenham que comprar mais. Eu quero arrecadar muito dinheiro. É bem simples”.

Quase 9 meses depois do anúncio, a MAC anunciou o resultado da colaboração com a socialite: mais de um milhão de dólares – US$ 1,3 milhões para ser mais exato – foram arrecadados. Agora, o dinheiro será dividido entre 21 organizações americanas que acolhem pessoas trans.

“Pessoas trans tiveram uma visibilidade sem precedentes nos últimos anos, mas isso nem sempre beneficiou pessoas trans. Especialmente, aquelas que mais precisavam”, disse Caitlyn em um comunicado. “Com a MAC, eu encontrei uma parceira que demonstrasse um comprometimento real na fundação de organizações trans específicas e projetos. Eu consegui uma plataforma extraordinária, construída sobre o trabalho de incontáveis, e por vezes sem nome, pessoas trans que vieram antes de mim.Tive a honra de fazer parte desse momento, e de retribuir à comunidade, a quem eu devo muito”.

“Hoje, temos orgulho em construir nosso legado e fazer parceria com Caitlyn Jenner, para aprofundar nosso apoio a organizações que trabalham para acabar com o estigma contra pessoas trans, e dar a elas o cuidado de saúde e a qualidade de vida que elas merecem”, contou John Demsey, diretor do MAC AIDS Fund, em um comunicado.

Pessoas trans enfrentam diversos obstáculos, seja nos Estados Unidos, seja no Brasil, país que lidera um ranking mundial de mortes desses indivíduos. Homens e mulheres trans registram índices altíssimos de desemprego, evasão escolar, abandono familiar, falta de moradia e suicídio.

Há muito a ser feito para a inclusão de pessoas trans à sociedade, o que é mais do que um batom poderia fazer. Ainda assim, é positivo que uma celebridade trans como Caitlyn Jenner encontre meios de ajudar esse grupo, seja por meio de sua visibilidade, ou com ações, como a realizada com a MAC.

Com esperança, viveremos em um mundo onde a transfobia não existirá. Continuamos lutando e caminhando.