Laverne Cox será primeira pessoa transgênero a ter uma estátua de cera no museu Madame Tussauds

Laverne Cox será primeira pessoa transgênero a ter uma estátua de cera no museu Madame Tussauds

Laverne Cox não cansa de fazer história. Após ser a primeira pessoa transgênero a estampar a capa da revista “TIME” no ano passado e ser a primeira atriz trans a ser indicada a um prêmio Emmy, a ativista também será a primeira pessoa transgênero a ter uma estátua de cera no famoso museu Madame Tussauds de São Francisco.

“Estou profundamente honrada por pedirem para que eu faça parte do legado do Madame Tussauds. Quando penso em quem sou, uma mulher trans negra, vinda de uma classe trabalhadora, crescida em Mobile, no Alabama, essa honra é ainda mas improvável e extraordinária. Tenho esperança que isso sirva de inspiração para qualquer um que a encontre e acredite que seus sonhos importam e são possíveis”, contou Laverne Cox em comunicado do Madame Tussauds.

A atriz foi escolhida pela sua representatividade de sua figura, além de ser ferrenha defensora dos direitos das pessoas trans. Quando Caitlyn Jenner foi capa, pela primeira vez, da “Vanity Fair”, Laverne lembrou que por mais bonita que ela seja, muitas pessoas não conseguem, e muitas não querem, encorporar padrões estéticos cisnormativos. “Muitas pessoas trans não possuem os privilégios que eu e Caitlyn temos agora. São essas pessoas que nós devemos continuar a levantar, e conseguir acesso ao sistema de saúde para elas, empregos, moradia, ruas e escolas seguras e casas para nossa geração mais jovem”.

A entrega da estátua de cera de Laverne Cox será no dia 26 de junho, no museu Madame Tussauds, de São Francisco, durante o “Pride Weekend” que acontece na cidade. A data da entrega da estátua também é simbólica, já que junho é o mês do Orgulho LGBT.