Katy Perry é uma cavaleira e vai à luta contra as expectativas de gênero no clipe de “Hey Hey Hey”

20. dezembro 2017 POP 0
Katy Perry é uma cavaleira e vai à luta contra as expectativas de gênero no clipe de “Hey Hey Hey”

Katy Perry liberou hoje o clipe de “Hey Hey Hey”, música que integra seu mais recente álbum, “Witness”, e saiu no tapa com as expectativas de gênero na produção.

No vídeo, a cantora encarna uma aristocrata francesa, inspirada na figura icônica de Maria Antonieta. Mas diferente da rainha que viveu no século 18, a personagem da artista não quer saber de extravagâncias. Pelo contrário, o que ela quer mesmo é ser uma cavaleira e lutar como Joana D’Arc.

Contudo, por ser mulher e fazer parte da monarquia, ela precisa aprender a se portar como uma “dama” e ceder aos avanços nada sutis de seu pretendente. E embora ela tente se adequar ao que se espera dela, ela se cansa em um certo ponto e dá um tapa no rapaz, que a sentencia à morte pela guilhotina. Parece um final cruel, mas a guerreira Katy D’Arc surge para colocar fim à soberania masculina.

“Eu não tenho cordas, não sou o fantoche de ninguém”, ela canta. E como ela mesma prova em “Hey Hey Hey”, ninguém vai manipulá-la ou dizer a ela o que fazer.

O clipe foi filmado em Beverly Hills e possui uma estética que remete ao filme “Maria Antonieta”, da diretora e roteirista Sofia Coppola. Talvez essa tenha sido a inspiração do Isaac Rentz, responsável pela direção do vídeo.

“Hey Hey Hey” encerra o ano de Katy Perry, que acredita que 2017 a fez repensar em muitas coisas, inclusive no que significa “vencer”.

“A definição de vencer neste ano, para mim, foi simplesmente alegria e gratidão”, escreveu a cantora no Instagram. “Este ano me fez apreciar, mais do que nunca, meus ouvintes, meus katycats – seja porque você está comigo desde ‘I Kissed a Girl’ ou se começou com “Swish Swish”.

“Depois de um ano de picos e vales (lembre-se: é uma jornada), eu queria terminar 2017 com um pedaço divertido e triunfante de música pop. Pense nisso como uma meia glamourosa recheada de mim para você. ‘Hey Hey Hey’ é uma das minhas músicas preferidas do ‘Witness’ e, para mim, incorpora o espírito de luta que eu sempre quis que vocês encontrassem dentro de si mesmos e vissem em mim”. 

Em março do ano que vem, a california gurl desembarca no Brasil para três shows: Porto Alegre, São Paulo e no Rio de Janeiro. Quem aí já está preparado para testemunhar em 2018? A gente com certeza já está!

Hiya. I'm writing you from Miami, prepping my last Witness: The Tour show of 2017. I'm reflecting on a year that has redefined what winning means to me. And the definition of winning for me this year was simply happiness and gratitude. This year has made me more appreciative than ever for my listeners, my KatyCats – whether you've been with me since "I Kissed A Girl" or if you only started to "Swish Swish" with me. I'm humbled that you still give me your nights out to connect with you live all over the world and remind me of the place in your hearts that you hold for all these songs. After a year of peaks and valleys (remember, it's all a journey), I wanted to end 2017 with a fun, triumphant piece of pop candy. Just think of it as a glam little stocking stuffer from me to you. "Hey Hey Hey" is one of my favorite songs from "Witness" and for me, it embodies the fighting spirit I always want you to be able to find within yourself, and to see in me. So ho, ho, ho; and hey, hey, hey; and happy holidays. Yours, Katy P.S. Link in profile.

A post shared by KATY PERRY (@katyperry) on