Jessica Chastain revirando os olhos ao ser perguntada sobre Johnny Depp é a melhor coisa que você vai ver hoje

Jessica Chastain revirando os olhos ao ser perguntada sobre Johnny Depp é a melhor coisa que você vai ver hoje

Veja, eu não sou ator, mas tenho certeza que decorar as falar é uma das funções primordiais da função. Mas, aparentemente, Johnny Depp não se dá nem mesmo ao trabalho de fazer isso.

Recentemente, os ex-empresários do artista, que voltará aos cinemas com “Piratas do Caribe: A Vingança de Salazar”, o acusaram de usar um ponto eletrônico para ouvir seus textos durante as gravações de filmes. A denúncia faz parte de um processo movido contra Depp, que também está processando seus ex-empresários por terem supostamente roubado seu dinheiro enquanto filmava o quinto episódio da saga do pirada Jack Sparrow. Em contrapartida, eles afirmam que  a falta de dinheiro do ator é culpa dele mesmo, que possui um distúrbio de gastos compulsivo e tem um “claro e épico senso de direito sobre as coisas”.

E desde que Johnny Depp foi acusado de bater em sua ex-esposa, a também atriz Amber Heard, eu deixei de ser fã dele. Acredito que muitas pessoas também.

Quem parece ter deixado de ser fã dele é Jessica Chastain, cuja entrevista à BBC sobre o filme “Armas na Mesa”, começou a circular na internet e tem levado muita gente aos risos. Isso porque o repórter diz a ela que Depp recebe suas falar por meio de um aparelho, e pergunta se ela tem alguma técnica especial para decorar as suas. Ela, então, revira os olhos antes de rir e dizer: “não, minha técnica é trabalhar duro'”.

EU TE AMO, JESSICA CHASTAIN!

“Nos finais de semana, antes da minha semana de trabalho, eu memorizo. Eu passo o dia todo trabalhando no roteiro e nas cenas que farei”, explica a atriz no vídeo acima. “Foi muito importante interpretar essa personagem [Elizabeth Sloane], porque ela é a pessoa mais inteligente. Ela sabe mais sobre isso [política] do que qualquer outra pessoa. Por isso, eu preciso dizer que eu não poderia buscar minhas falas desse jeito. Ela não fala assim. Para mim, é preciso que seja frio, precisa ser como uma segunda natureza. E a única forma de conseguir fazê-lo é passar horas fazendo isso”.

Vale lembrar que Jessica Chastain, além de uma excelente atriz, indicada duas vezes ao Oscar, tem lutado contra a desigualdade de gênero na indústria cinematográfica, seja criando uma produtora para desenvolver obras feitas e sobre mulheres, seja reclamando da disparidade salarial entre homens e mulheres, seja pedindo uma representação feminina melhor, assim como para negros e LGBTs.

Agora, vamos rever essa revirada de olhos icônica:

H/T: The Mary Sue.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *