Comercial da FCKH8 coloca meninas dizendo o que é mais feio do que aquela palavra com ‘F’

22. outubro 2014 Internet 0

Já conhece a loja de camisetas FCKH8? O nome, em português, seria algo como “eu odeio essa porra (fucking hate, em inglês)”. Mas para onde seria destinado esse ódio? Para preconceitos e situações onde injustiças são tão normatizadas, sejam nos Estados Unidos, sejam no Brasil e no mundo. A ideia da marca é vender camisetas e acessórios com frases que combatam a discriminação.

Talvez você pense que não há nada de diferente nisso. No entanto, não há muitas marcas dispostas a estampar em seus produtos, ideias que vão contra o que está engessado, há muito tempo, na sociedade. Além disso, fazendo diferente, a FCKH8 faz vídeos com várias pessoas, apontando preconceitos e desconstruindo argumentos pautados no senso comum.

Um exemplo recente é um vídeo de pequenas garotas usando várias vezes a palavra “foda” (fuck) para ilustrar como há outras piores a serem usadas, como ‘diferença de salário’, já que mulheres ainda recebem menos do que os homens e fazem o mesmo trabalho. Meninas vestidas de princesas jogam a real para os adultos. “Uma em cada 5 mulheres serão assediadas ou estupradas por um homem. 1. 2. 3. 4. 5. Qual de nós será?”.

Então o que é mais pesado: uma sociedade machista ou uma menina de boca suja? A julgar pela realidade, a segunda opção parece que levanta mais reclamações, infelizmente. No final ainda aparece um menino vestido de princesa dizendo ” Quando você diz para um garoto para ‘não agir como uma garota’, você está dizendo que é ruim ser uma garota”.

A FCKH8 possui várias camisetas e acessórios com mensagens contra o racismo, machismo e homofobia. Seria ótimo ver mais marcas posicionando-se a favor da igualdade. Que venham mais propagandas assim, por favor!