Brie Larson não aplaudiu Casey Affleck após a vitória do ator no Oscar; nós faríamos o mesmo

27. Fevereiro 2017 Famosos 0
Brie Larson não aplaudiu Casey Affleck após a vitória do ator no Oscar; nós faríamos o mesmo

No ano passado, Brie Larson levou o Oscar de Melhor Atriz por sua atuação em “O Quarto de Jack”, filme no qual interpretou uma sobrevivente de constantes abusos sexuais por parte de um homem muito mais velho que a mantinha em cativeiro.

Foi um trabalho que merecia ser premiado. Para o papel, a artista decidiu se isolar do mundo, trancando-se em casa por um mês. Além disso, ela conversou com psicólogos, para entender o trauma de quem foi obrigada a ficar presa por muito tempo, bem como o trauma do estupro. Toda sua dedicação foi compensada com a famosa estatueta dourada em 2016. E quando Lady Gaga levou vítimas de abuso sexual para a premiação, Larson fez questão de abraçar cada uma delas.

Em 2017, a atriz voltou ao palco do Oscar, mas desta vez para entregar o prêmio de ‘Melhor Ator’. Quando ela abriu o envelope para anunciar o vencedor, seu rosto disse tudo: Brie não estava contente ao ter de chamar Casey Affleck, de “Manchester à Beira-Mar”, para pegar seu prêmio. E para demonstrar sua insatisfação, ela não o aplaudiu em nenhum momento.

O ator, que é irmão de Ben Affleck, foi acusado duas vezes de assédio sexual por duas mulheres com quem trabalhou em 2010 no documentário “Eu Ainda Estou Aqui”. Elas eram Amanda White, produtora do filme, e Magdalena Gorka, diretora de fotografia da obra.

No processo, que foi resolvido por meio de um acordo entre as todas partes, Magdalena chegou a afirmar que viveu a “pior experiência de sua vida” ao trabalhar com Casey. De acordo com um documento, ele invadiu sua cama enquanto ela dormia e a abraçou, vestindo apenas uma camiseta e cueca. O rosto dele estava próximo ao dela e seu hálito cheirava a álcool. “Chocada e com nojo por não saber onde havia sido tocada por ele”, a diretora de fotografia pediu a ele que saísse de sua cama. “Por que?”, perguntou o ator. “Porque você é casado e é meu chefe”, respondeu.

Ao entregar o prêmio para Affleck, Brie Larson manteve uma postura profissional, mas seu rosto entregou sua insatisfação, assim como aconteceu no Globo de Ouro, há mais de um mês. Se tem alguém contente com o fim da temporada de premiações, com certeza, é a atriz.

Mas ela não foi a única a demonstrar desconforto com a vitória de Casey Affleck. Depois do fim da cerimônia, os quatro vencedores das categorias de atuação se juntaram para uma foto, e as expressões de Emma Stone e Viola Davis também disseram muito.

No final, mesmo com o desconforto de Brie Larson, Emma Stone e Viola Davis, Casey ainda receberá muitos trabalhos em Hollywood, que parece tratar assédio sexual como algo menor e sem tanta importância. Ainda assim, as expressões das artistas foram um importante lembrete de que nem todos celebram homens com comportamentos problemáticos. E nem o Oscar deveria.

Assista ao discurso do ator abaixo: